Birigui

Birigui



Birigui



Birigui



Birigui



Birigui - Jardim Nova Esperança Campinas




Memorial

Birigui
Birigui
Jardim Nova Esperança Campinas

Prefeitura Municipal de Birigui

Praça James Mellor, s/n
CEP: 16200-057
Fone: (18) 3643-6000
Email: contato@birigui.sp.gov.br
Site: www.birigui.sp.gov.br

 

 

HISTÓRICO

 

A ORIGEM
Como as principais cidades da região, a origem de Birigui, se deve a partir da Estrada de Ferro Noroeste, construída no início do século. No começo foi uma chave na clareira, situada entre os quilômetros 259 e 261 que em 1908, passou a ser um ponto de parada de locomotivas.

FUNDAÇÃO DO POVOADO
O povoado foi fundado em 07 de dezembro de 1911, pelo senhor Nicolau da Silva Nunes, um português de espírito empreendedor, natural da Freguesia de Moulamorta, Trás-os-Montes.
Nicolau dos Santos Nunes conheceu a região, atraído por um artigo de jornal, que na primeira visita se encantou com a exuberância e fertilidade das terras da região, principalmente das que envolviam a chave de Birigui. Adquiriu assim, 400 alqueires para si e seus representados, Antônio Gonçalves Torres e Afonso Garcia Franco, e quando voltou para Sales de Oliveira, a cidade onde morava, colocou os lotes à venda.
A visão futurista de Nicolau da Silva Nunes lhe revelava que aquelas florestas, a terra fértil e as aguas límpidas emanavam progresso. A única dificuldade no seu empreendimento foi os seus vizinhos, os índios Coroados. Para evitar que assustassem seus clientes ele usou de artifícios, pediu, até que apagassem o rastro dos índios e passou a morar no local, em dois vagões para demonstrar segurança.
Entretanto nem a hostilidade dos índios, e nem a presença do pequeno mosquito desencorajou os primeiros habitantes. Os primeiros moradores que acompanharam o fundador foram os senhores: Francisco Galindo Romero, Manoel Inácio, Francisco Galindo de Castro e sua esposa, Dona Antônia Real Dias, primeira mulher a morar aqui. A primeira casa foi erguida, feita de taipas, e ficava nas confluências das atuais Ruas Silvares e Fundadores.

PIONEIRISMO
Foram alguns dos fundadores de Birigui: Lucas Scarpin, Antônio Simões, Faustino Segura, Ricardo Del Nery, João Galo, França Contel e Giuzeppe Fonzar.
Em 1912, Birigui ganha mais um habitante, José Cordeiro, um típico capitão bandeirante que deixa Lençóis Paulista com sua expedição e se junta ao povoado. Nesta ocasião o senhor Manuel Bento da Cruz funda a Companhia de Terras, Madeiras e Colonização São Paulo, tendo como desbravadores Roberto Clark e James Mellor.

CRIAÇÃO DO DISTRITO
Em 10 de novembro de 1914, o povoado foi elevado à categoria de Distrito, através do Decreto Lei Estadual nº 1426, subordinado ao município de Penápolis.

CRIAÇÃO E EMANCIPAÇÃO DO MUNICÍPIO
Com o passar do tempo, a lavoura vai ocupando o que era mato. Vai surgindo o grande ciclo do café. Com este progresso galopante, Birigui alcança sua emancipação no dia 08 de dezembro de 1921, através do Decreto Lei Estadual nº 1811, desmembrando se do município de Penápolis, apenas dez anos depois após sua fundação. Em fevereiro de 1922, é eleita à primeira Câmara Municipal de Birigui, um mês depois Archibald Thomas Clark toma posse como primeiro prefeito. Daqueles tempos até o dia de hoje, o progresso da cidade não parou. Da fase áurea de monocultura do café, ao maior polo da indústria do calçado infantil da América Latina, foi à trajetória desta cidade que transformou um quase pejorativo nome de mosquito em um orgulhoso BIRIGUI – A Pérola da Noroeste.
Em divisão territorial datada de 31 de dezembro de 1937, o município é constituído de três distritos: Birigui, Jacri e Nipolândia. Posteriormente o distrito de Nipolândia tomou o nome de Bilac e emancipou se em 1944, e o distrito de Jacri passou a denominar-se Iacri e foi transferido, para constituir o novo município de Tupã.

ORIGEM DO NOME
O fundador manteve na futura cidade a denominação dada pelos trabalhadores da ferrovia local. O nome Birigui teve origem na língua Tupi-Guarani, os índios usavam esta palavra como o significado de “Mosca Que Sempre Vem” para um minúsculo mosquito hematófago que incomodava a todos, e era bastante frequente na região.
Gentílico: Biriguiense

 

GALERIA DE PREFEITOS

 

ARCHIBALDO CLARK 1922
MÁRIO DE SOUZA CAMPOS 1922 à 1926
JOSÉ XAVIER SOARES 1926 à 1930
JOAQUIM VIEIRA 1930 à 1931
JOÃO ROCHA 1932 à 1932
BENEDITO SILVA BRAGA 1931 à 1933
GUMERCINDO DE PAIVA CASTRO 1933 à 1936
DR. THOMAZ FIGUEIREDO MAGALHÃES 1938 à 1946
DR. BENEDITO AUGUSTO MACHADO 1946 à 1947
JOAQUIM BAPTISTA DE OLIVEIRA 1947
JOSÉ ESTRADA CARMONA 1947
PEDRO SANCHES Y SANCHES 1947
JOSÉ XAVIER SOARES 1948 à 1951
DOMINGOS LOT NETO 1952 à 1955
AUGUSTO SILVA 1955 à 1956
SEBASTIÃO DE SOUZA BUENO 1956 à 1959
DR. RENATO CORDEIRO 1960 à 1963
NATAL MAZUCATO 1962
DR. ANTÔNIO SANCHES GRANEIRO 1963 à 1964
MÁRIO CREM DOS SANTOS 1964 à 1969
WILSON STROSE 1969 à 1973
DR. FRANCISCO ANTÔNIO DE LIMA 1973 à 1977
ODEYR RAMOS 1979
PEDRO MARIN BERBEL 1977 à 1983
SAMUEL DE ANCHIETA 1986
FLORIVAL CERVELATI 01/01/1983 à 31/12/1988
PEDRO MARIN BERBEL 01/01/1989 à 31/12/1992
FLORIVAL CERVELATI 01/01/1993 à 31/12/1996
JOSÉ ROBERTO DOS SANTOS 01/01/1997 à 31/12/2000
FLORIVAL CERVELATI 01/01/2001 à 31/12/2004
WILSON CARLOS RODRIGUES BORINI 01/01/2005 à 31/12/2012
DR. PEDRO FELÍCIO ESTRADA BERNABÉ 01/01/2013 à 31/12/2016
CRISTIANO SALMEIRÃO 01/01/2017 à 31/12/2020
LEANDRO MAFFEIS MILANI 01/01/2021 à 31/12/2024

OBS.: O Sr. ARCHIBALDO CLARK foi o primeiro Prefeito de Birigui


 

 



Faço parte dessa história
Empresas que fazem parte da história desta cidade.
Utilizamos seus dados para analisar e personalizar nossos conteúdos e anúncios durante a sua navegação em nosso site. Ao navegar pelo site, você autoriza o nosso site a coletar tais informações e utilizá-las para estas finalidades. Em caso de dúvidas , acesse nossa Política de Privacidade.
Entendi.